CONVALES: última Assembleia do ano é marcada por conquistas

Marcadas também por ações em prol do desenvolvimento regional

O Consórcio de Saúde e Desenvolvimento dos Vales do Noroeste de Minas realizou sua última Assembleia Geral Ordinária de 2019 com a sensação do dever cumprido em prol do desenvolvimento regional. Ao abrir a Assembleia, o prefeito de Arinos e presidente do CONVALES, Carlos Alberto Recch Filho, destacou as conquistas, que foram várias, e afirmou que todas são muito significativas. Recch citou algumas delas e declarou que mesmo com os problemas que o Noroeste de Minas tem na área de saúde, o Consórcio está ativo e caminhando junto com todos os municípios na resolução dos problemas.

Pauta

A programação da AGO do CONVALES teve início com a apresentação do Plano de Trabalho do Projeto de Destinação dos Resíduos Sólidos Urbanos, o qual o CONVALES foi contemplado através de um edital do Ministério da Justiça. O projeto foi apresentado por Irene Guedes, da Adesvru – Agência de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Vale do Urucuia. Ela afirmou que a aplicação do projeto é necessária e que o mesmo vai beneficiar em muito a população do Noroeste de Minas. Hidelbrando Souza, também da Adesvru, reforçou o recado e falou em “lixo zero”. De acordo com ele é preciso urgentemente transformar resíduos numa nova matéria. Hidelbrando ainda fez uma explanação dos projetos que se encontram em fase de elaboração e mostrou a situação atual de todos os municípios do Noroeste Mineiro em relação à política nacional de resíduos sólidos. Várias dúvidas foram sanadas pelos prefeitos presentes.

Águas do Agro

Outro projeto de grande interesse para a região foi apresentado durante a Assembleia. Adriana Rocha falou sobre o projeto Águas do Agro, que vem com o propósito de envolver as comunidades rurais numa grande ação de preservação das águas.“A ideia é que produtores rurais passem a ser produtores também de água”, resumiu ela. O presidente do CONVALES, Carlos Alberto Recch, enalteceu o trabalho da Adesvru na elaboração e nas tratativas de projetos que vão mudar a situação de muitos municípios da região. “O idealismo do Hidelbrando e de toda equipe da Adesvru tem produzido bons frutos e pode produzir muito mais”, disse Recch, sugerindo que seja firmada uma parceria entre os municípios e a Agência de Desenvolvimento através do CONVALES.

CONVALES

Ao falar especificamente sobre o CONVALES, o presidente voltou a afirmar que o Consórcio trilhou o caminho certo e que o ano foi de muitas conquistas. “Este é um Consórcio multifinalitário”, afirmou Recch ao pontuar que o CONVALES atua na área de consultas especializadas, no transporte de pacientes, na iluminação pública e está avançando na área de meio ambiente, bem como no empreendedorismo através do SIM/Convales, um projeto que vem beneficiando centenas de pequenos empreendedores do Noroeste e ultrapassando as fronteiras de Minas Gerais como modelo para outras regiões do país.

SISBI

O dia 10 de dezembro foi de extrema importância para o CONVALES e poderá ser um marco na vida de centenas de pequenos empreendedores do Noroeste de Minas. Neste dia, em Brasília, o Consórcio protocolou junto ao Ministério da Agricultura, o pedido de equivalência ao SISBI. A secretária executiva do CONVALES, Dayane Fabrícia, explicou que isto tem um grande significado, uma vez que, com isso, as agroindústrias do Noroeste de Minas vão poder comercializar seus produtos em nível de Brasil. “O meu sentimento hoje é de gratidão, a Deus e aos senhores prefeitos por acreditarem no nosso trabalho e permitirem uma condução técnica de minha equipe, que eu chamo de time”, externou Dayane. “Obrigada a todos. Seremos o primeiro consórcio em Minas Gerais a ter a equivalência ao SISBI e o quinto no Brasil. Convales fazendo história, CONVALES promovendo o desenvolvimento regional”, completou.

e-SISBI

Nos dias 09 e 10 de dezembro, o CONVALES, representou todos os consórcios do Brasil na homologação do novo Sistema de Informação e-SISBI que será disponibilizado para todos os consórcios e cidadãos, o sistema segue ainda em fase de teste.

Prestação de contas

Durante a Assembleia foi realizada também uma prestação de contas parcial. O contador Gilmar Martins apresentou todos os números aos prefeitos e demais participantes da AGO, e mostrou que o Consórcio foi muito bem gerido em 2019. Os números mostrados já haviam sido avaliados e aprovados pelo conselho fiscal sem nenhuma ressalva. A secretária executiva, Dayane Fabrícia, prestou contas das ações técnicas e administrativas do CONVALES e orientou quanto a algumas ações que precisam ser promovidas em 2020, citando como exemplo a necessidade de ampliação do corpo técnico do Consórcio para conseguir atender todas as demandas do SIM/Convales.

 De acordo com Dayane, o SIM cresceu muito e tem perspectivas de crescimento ainda maior nos anos vindouros. Ela citou as licitações compartilhadas, que trouxeram economia para toda a região, e pediu que os municípios continuem unidos nesse propósito. Dayane apresentou também a proposta de renovação do contrato com a empresa responsável pela execução do serviço de iluminação pública, com um reajuste baseado no INPC, e foi aprovado pela AGO. Finalizando, ela anunciou que o Convales foi contemplado para receber o Circuito Mineiro de Consórcios a ser realizado em julho na cidade de Paracatu.

Transporte

Dando prosseguimento à prestação de contas, o presidente Carlos Alberto falou sobre o transporte de pacientes e anunciou a conquista de 4 novos micro-ônibus que foram conquistados pelo Convales através de indicação de 4 deputados federais. Os ônibus foram destinados para o atendimento dos municípios de Arinos, Riachinho e Natalândia e será entregue oficialmente após assinatura dos contratos.

Urucuia

O prefeito de Urucuia, Rutílio Cavalcanti, parabenizou o CONVALES pelo serviço prestado ao longo do ano e anunciou que colocou o Hospital de sua cidade em funcionamento. Ele disse que o Hospital está à disposição dos municípios para parcerias imediatas, principalmente em relação a cirurgias eletivas. Os prefeitos receberam a notícia com bons olhos e ficaram de se reunir para estudarem o melhor caminho para firmar a pactuação.

Despedida

Ao final da Assembleia, a secretária executiva Dayane Fabrícia comunicou oficialmente a sua saída do cargo no Convales, onde vai ficar somente até o início de janeiro, e informou que está de mudança para a capital mineira.“Estou saindo do Convales com o coração pequeno porque amo o que faço, mas também com o sentimento de dever cumprido, pois, sei que dei o meu melhor”. Recch agradeceu a contribuição dada ao Consórcio e afirmou que o Convales avançou muito graças ao idealismo de Dayane.

Reportagem:Rubens Martins

Ato de homologação no sistema e-SISBI

Momento em que o Convales protocolou o pedido de equivalência ao SISBI